eficiencia-energetica-china

O Banco Mundial tem ajudado a China no desenvolvimento de abordagens de mercado de eficiência energética. Mais de uma década atrás, O Banco Mundial e o GEF (Global Environmental Facility) têm apoiado projeto de conservação de energia introduzindo o conceito de de “Energy Service Company” (ESCO) para na China.

Como a indústria de ESCOs começou a crescer, o Banco Mundial e o GEF apoiaram a segunda fase do projeto com a cria;’ao de uma associação de ESCOs, treinamentos e desenvolvimento de mecanismos de garantias que suportassem empréstimos e financiamentos para as ESCOs.

Os 22 milhões de dólares do GEF foram transformados em 140 milhões de dólares de investimentos realizados por 42 ESCOs, muitas das quais receberam empréstimos bancários, pela primeira vez.

Em 2011, o governo emitiu uma série de incentivos financeiros para as ESCOs e, como resultado, a indústria cresceu para cerca de 5000 empresas com cerca de US $ 10 bilhões em contratos de desempenho energéticos em 2012 – superando a indústria de ESCOs dos EUA e sua história de 40 anos.

O Fórum Internacional organizado pelo Banco Mundial em Guangzhou na China em Novembro de 2013 teve como objetivo divulgar a experiência bem sucedida e promover o intercâmbio de mecanismos voltados ao mercado de ESCOs em todo o mundo.

Como administradora do EEGM (Mecanismo de Garantia de Eficiência Energética), iniciativa inovadora voltada para o desenvolvimento do mercado de ESCOs brasileiro, a Atla Consultoria foi convidada pelo Banco Mundial para apresentar sua experiência com o desenvolvimento do mecanismo no Brasil, desafios e cases de sucesso.


Notice: get_currentuserinfo está obsoleto desde a versão 4.5.0! Use wp_get_current_user() em seu lugar. in /var/www/54.208.63.33/htdocs/wp-includes/functions.php on line 3766