Qual é uma boa taxa para um projeto de eficiência energética?

Nós estamos condicionados a pensar sobre taxas. ”Qual é a taxa?” é sempre a primeira questão que as pessoas perguntam quando o assunto é financiamento. Mas o que as pessoas normalmente não consideram é quais são fatores que são considerados no momento de determinar qual a taxa de juros a ser oferecida para determinado projeto.

Por exemplo, alguém nos diz: ”meu banco oferece uma taxa de 100% do CDI + 4.0% ao ano” (algo em torno, nos dias de hoje, a 16%). A questão central seria: o que você está oferecendo em retorno para receber uma taxa como esta?

Quando consideramos empréstimos e financiamentos realizados junto à bancos comerciais e bancos de desenvolvimento/fomento, possivelmente você seria obrigado a ceder em garantia um imóvel (alienação fiduciária), ceder seus recebíveis para desconto ou antecipação ou ainda outros ativos como máquinas e equipamentos. Dessa forma, o banco está preservado e tem algo a receber se o investimento feito por ele trouxer prejuízos (ou seja, se você, por qualquer motivo, não repagar o empréstimo ou financiamento).

Financiamento de terceiros

Por outro lado, existe a possibilidade de financiamentos realizados através de “terceiros” ou investidores. Neste caso, normalmente as taxas de juros são mais altas (22% a 30% atualmente) dependendo do risco avaliado pelo credor.

Porém, neste caso, os investidores não têm acesso a outras garantias a não ser máquinas e equipamentos, dependendo do caso. Além disto, por se tratar de investidores especializados, normalmente a análise e aprovação de seu projeto é mais ágil em comparação aos bancos comerciais e, principalmente, bancos de desenvolvimento.  Isto pode fazer uma diferença significativa para a realização ou não do seu projeto.

Sendo assim, a agilidade e uma menor exigência em termos de garantias, faz com que as taxas cobradas neste caso sejam superiores para compensar os riscos assumidos.

Portanto, para tomar a melhor decisão para seu projeto, é necessário considerar outros pontos além da “taxa de juros” e comparar as formas de financiamento possíveis. No final das contas, apenas a taxa não é um bom indicador de qual investimento seria melhor para seu projeto, ou negócio.

 

____

AT_CTA_Rodape_eBook12_GuiaApresentacao

 


Notice: get_currentuserinfo está obsoleto desde a versão 4.5.0! Use wp_get_current_user() em seu lugar. in /var/www/54.208.63.33/htdocs/wp-includes/functions.php on line 3766